PLANEJAMENTO E CONTROLE DA PRODUÇÃO: SUA INDÚSTRIA COM O MÁXIMO DE EFICIÊNCIA

Para que uma indústria funcione da maneira mais eficiente possível, é necessário um planejamento bem estruturado e que se adeque às necessidades e características específicas de cada fábrica.

Esse projeto é conhecido como “Projeto de Planejamento e Controle da Produção”, ou PPCP, e avalia todos os fatores envolvidos em uma produção, possibilitando a melhor utilização dos recursos já presentes na fábrica, da mão de obra disponível, do tempo e dos recursos financeiros, deixando a operação mais eficiente como um todo. 

Para a elaboração de um bom PPCP, um conhecimento profundo da empresa e todos os seus processos e produtos é essencial. Entender exatamente quais são as demandas, necessidades e vontades específicas de cada negócio, mercado e setor é o que torna possível tomar decisões acertadas de planejamento. Quando se trata de PPCP, não existe uma única fórmula infalível, já que cada negócio é único (por mais similar a outros que ele possa ser). Analisar o passado da empresa ajuda muito nessa hora: assim, é possível determinar padrões e detectar erros para evitar repeti-los.

Um PPCP também exige a elaboração de um roteiro que explica como o produto sai da matéria-prima e chega até o seu resultado final. É recomendado que primeiro seja desenhado o processo atual da empresa, mesmo com seus erros e ineficiência, para que então seja possível detectar os pontos ruins e pensar em soluções integradas e com o processo como um todo em mente. Nesse roteiro, devem ser apontados todos os fatores, desde os maiores e mais relevantes até os aparentemente não tão importantes – um enorme erro pode morar no menor dos detalhes!

A partir desse roteiro, os pontos que podem ser mudados ou melhorados podem ser determinados e planos para essas melhorias ou mudanças podem ser apresentados, buscando o máximo de eficiência e rapidez no processo de produção. As mudanças podem ser implantadas em diversas áreas: no maquinário, na arquitetura do espaço da fábrica, na ordem da produção, no abastecimento de matérias-prima e até mesmo na mão de obra humana. Investir em tecnologia para as máquinas e em capacitação e treinamento dos funcionários são duas das medidas mais comuns que já garantem uma melhora expressiva no funcionamento de qualquer negócio.

E, por último, é essencial que os resultados sejam medidos e monitorados. A partir desses resultados, é possível determinar se as mudanças implantadas foram efetivas, se ainda precisam de melhoras ou se precisam retornar a seu modo anterior. Métricas podem ser estipuladas e adotadas de acordo com a área de atuação da empresa e seus objetivos como negócio. 

O processo de um PPCP como um todo, é longo, cheio de variáveis e etapas, mas pode ser exatamente o que a sua empresa precisa para ser a melhor. Conheça o que a EPR pode fazer por você.

EPR Consultoria