Estudo de capacidade e padronização em indústria de alimentos congelados

ESTUDO DE CAPACIDADE
RESUMO

Desafio

  • Construção de documentos que padronizam as funções dentro da produção.
 
  • Estudo de capacidade de sua produção.
 
  • Identificação de pontos de melhorias nos processos.

Solução

  • Entender todas as atividades envolvidas no fluxo, desde a citação dos pedidos até sua saída do estabelecimento. 

 

  • Realizar cronoanálise das atividades estudadas. 

 

  • Compilar os dados coletados dos tempos e movimentos a partir das análises do processo como um todo.

Resultado

  • Mapeamento dos Processos. 
 
  •  Cartas de Procedimento Operacional Padrão.
 
  • Estudo de Capacidade.
 
  • Caderno de Melhorias.

Desafio

A EPR Consultoria foi contratada por uma indústria produtora de salgados e congelados que queria ter um maior domínio sobre sua capacidade. Além do mais, a empresa tinha como meta descentralizar o conhecimento, criar procedimentos padrão e desenvolver uma análise externa de melhorias.

O objetivo da EPR foi desenvolver um estudo de capacidade da produção, juntamente com a elaboração de mapas de processos, cartas de procedimento operacional padrão (POP’’s) além da identificação de pontos de melhorias.

Solução

Com base na análise de perdas dos setores e de ocupação dos colaboradores foi realizado o estudo de capacidade. Este foi alimentado com os tempos coletados através de cronoanálises da linha produtiva.

Pelos resultados obtidos, percebeu-se um número bem elevado em porcentagens de perdas nos processos que chegavam a 44%. Também, com um estudo direcionado aos colaboradores, visualizou-se uma taxa de ocupação de 67% dos mesmos, sendo 95% sobrecarregados.

Na etapa de mapeamento de processos, POP’s e caderno de melhorias os estudos foram feitos com base nas observações e baseados na abordagem BPM. Assim, foram elaborados mapas detalhando os 3 setores estudados na empresa.

Resultado

0
Mapas feitos
0
POP'S

Ao final do trabalho foi entregue uma ferramenta em Microsoft Excel contendo os dados coletados na etapa de cronoanálise. Por meio dessa ferramenta é possível realizar uma simulação de tempos para produção diária dos produtos. Assim, sabe-se quanto tempo levar para produzir toda sua demanda diária.

O projeto permitiu o entendimento do fluxo produtivo da indústria através da construção de documentos que padronizam as funções dentro da produção. Dessa forma, possibilitou-se uma maior padronização da qualidade dos processos, propiciando aos gestores uma melhor compreensão da produção e suas oportunidades de otimização nas próximas tomadas de decisão.

A sua empresa tem um problema semelhante? A EPR Consultoria pode te ajudar!