OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS: COMO COLOCAR EM PRÁTICA E POTENCIALIZAR O DESEMPENHO DA EMPRESA

Tempo de Leitura: 5 minutos

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

O que você vai aprender

Banner Otimização de Recursos

A otimização de recursos consiste em aumentar a produção de sua empresa. Ou seja, usar os seus recursos físicos e financeiros de forma mais correta, diminuindo as perdas ao longo dos seus processos. 

O bom uso desses recursos vai reduzir os custos, cortando gastos que eram desnecessários. Dessa forma, a realização de uma otimização melhora o seu desempenho, aumentando a eficiência das suas operações.

Com o aumento da disputa no mercado, cada vez mais há competições para garantir um lugar dentro do comércio de produtos ou serviços. Desse modo, é vital que as empresas se preocupem em melhorar o seu desempenho ligado aos processos e despesas, para assim estar um passo à frente da concorrência.

Além disso, é importante considerar o quadro econômico em que a empresa está inserida. Dessa forma, preparando-se sempre para que em um possível cenário de crise, ela tenha capacidade de continuar a funcionar.

Otimização de recursos: como funciona na prática?

Otimizar recursos é um objetivo que leva a analisar e fazer mudanças em diversas áreas da empresa. Sendo assim, tudo deve ser para uma maior eficácia dos recursos, tendo em vista um melhor uso deles. Nessas áreas estão a da produção e a da gestão, e algumas das formas de colocar a otimização na prática estão:

  1. Mapeamento de processos: mapear os processos envolvidos na produção da empresa é essencial. Este traz a compreensão do fluxo produtivo e o levantamento de falhas a serem eliminadas, uma vez que estas causam a perda de tempo e de recursos.
  2. Uso do espaço físico: deve-se construir o layout de forma que use o local para uma melhor distribuição de pessoas e de máquinas. Assim, buscando sempre a forma mais eficaz possível.
  3. Análise de fornecedores: é muito importante analisar e avaliar seus fornecedores. Para isso, deve-se  fazer pesquisas de mercado a procura de um bom preço e uma boa qualidade dos recursos.
  4. Gestão da empresa: a gestão da empresa deve ser bem construída, havendo coesão entre seus setores, de maneira que estejam presentes na motivação dos seus colaboradores. Dessa forma, quando for realizado um corte nos gastos envolvendo recursos humanos, o impacto gerado por esse tipo de corte será menor.

Otimização de recursos: quais são as suas vantagens?

A otimização de recursos da empresa permite uma utilização mais eficiente dos recursos físicos, humanos e financeiros. Isso evita perdas, e elimina atividades desnecessárias, ou seja, que não estejam têm valor. Assim, a produtividade aumentará e a rapidez dos processos que a empresa abrange, com gastos que estejam alinhados à eficiência. 

Além disso, com um maior controle das suas ações, a empresa poderá aumentar os seus lucros. Tudo isso, visto que aumentará sua eficiência produtiva e reduzirá seus custos, de forma estratégica.

Otimização de recursos: agilidade e eficiência no reconhecimento de problemas

A facilidade para detectar problemas é um ponto relevante para uma empresa. Sendo assim, possibilita que a empresa consiga fazer mudanças que ajudem na melhoria do seu desempenho. Com os recursos melhorados, a empresa passa a ter maior controle de seus custos e maior noção do que os envolve. Com isso, a empresa pode usar práticas de gestão à vista, que irão tornar fácil a visão dos problemas.

Otimização de recursos - gestão à vista

O mapeamento de processos, é uma prática muito boa para a compreensão do processo e, em vista disso, das perdas causadas por falhas e atividades que não têm valor no fluxo produtivo. Para controlar tudo o que está acontecendo na sua empresa, é interessante usar painéis de gestão. Dessa forma, os seus dados e indicadores são dispostos em forma de gráficos e faz com que a informação seja de fácil acesso.

Além das práticas já citadas , para acompanhar o andar da produção, uma boa prática utilizada é o quadro eletrônico de fluxo de trabalho. Pois, ele ajuda no uso mais eficiente do tempo, com maior rapidez, tendo em vista a falta de eficiência no uso de cartões de papel para fazer esse controle.

Otimização de recursos: 3 perguntas que você deve fazer para otimizar seus recursos

Para entender a situação da sua empresa e otimizar o uso de recursos, você deve se perguntar sobre pontos voltados à realidade do seu negócio. Sendo assim, logo abaixo estão algumas perguntas há serem feitas para implementar a otimização de recursos em relação aos seus processos:

  1. Você sabe o quanto de energia, tempo e dinheiro são investido nas atividades que têm valor ao seu produto ou serviço?

Existe uma ferramenta chamada Mapeamento de Fluxo de Valor (VSM) que serve para ajudar empresas a focar nos processos que têm valor. Ela mapeia todo o fluxo da produção de um produto ou serviço de forma a:

  • Identificar o que têm valor ao produto ou serviço final.
  • Perceber o que não têm valor, porém atua na qualidade
  • Detectar o que não têm valor e nem atua na qualidade.
  1. Você sabe quais são e onde estão os processos gargalos da sua empresa?

Para entender quais são e onde estão os processos que limitam a eficácia produtiva é necessário realizar um Mapeamento de Processos. Sendo assim, uma visão geral de toda cadeia produtiva é criada, possibilitando a identificação de processos lentos.

  1. Você sabe qual a capacidade de operação do seu negócio e os recursos necessários para atendê-la? 

Para entender a capacidade de operação e como alocar seus recursos é preciso fazer um Estudo de Capacidade. Dessa forma, por meio de análises é possível dizer qual a real capacidade de atendimento de um serviço ou produção de um produto. Assim, é necessário distribuir novamente, adicionar ou remover recursos para realizar o equilíbrio da capacidade produtiva. Tudo isso a fim de atender uma demanda pontual.

voltar ao topo

Saiba mais