JUST IN TIME: SAIBA MAIS SOBRE O SISTEMA DE PRODUÇÃO ENXUTA

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

O que você vai aprender

O Just in Time (JIT) é uma filosofia de gerenciamento do ambiente produtivo centrada na redução de custos. Essa diminuição ocorre através da eliminação de desperdícios e na melhoria contínua dos processos de produção, com foco especial na redução dos estoques.

O JIT esteve presente em diversas fábricas japonesas desde os anos de 1970. Na época, Taiichi Ohno desenvolveu e aperfeiçoou o método nas fábricas da Toyota. Seu propósito era de atender as demandas dos clientes no menor tempo possível. E vale destacar, também, que o período se caracterizou pela escassez de matérias primas, devido ao embargo do petróleo de 1973.

Objetivos do Just in Time: momento certo, utilização imediata

O objetivo do sistema Just in Time é eliminar todas as fontes de desperdício, adquirindo a quantidade exata de matéria-prima. Além disso, tem a intenção de produzir a quantidade exata de produtos no local e tempo correto, com a mínima utilização de estoques.

Portanto, o uso adequado do Just in Time permite reduzir ao máximo os prejuízos, muito comuns em empresas com excesso de produtos por falta de rotatividade, por exemplo. Sendo assim, o Just in Time possui 4 elementos principais:

Envolvimento das pessoas 

Todos os colaboradores devem estar cientes dos objetivos e ganhos que o JIT traz para a organização. Por isso, uma vez que a equipe está alinhada com o processo, o tempo e esforço de aplicação são diminuídos. Os membros do time devem se sentir motivados e encorajados a relatar problemas no processo e propor melhorias.

Layout

Utiliza-se o layout celular, sempre que possível, quando se deseja maximizar a flexibilidade de tarefas e a eficiência. Tal layout, que tem formato de U, que facilita a comunicação entre os postos de trabalho, além de permitir uma dinâmica maior aos colaboradores por suas extremidades estarem mais próximas uma da outra.

Organização

A organização é muito importante para manter a funcionalidade do Just in Time, tanto da empresa quanto dos colaboradores. O grande aliado da metodologia é o Kanban, pois a partir da gestão visual que ele proporciona é possível que todos acompanhem as atividades que estão sendo executadas e se comprometam a realizar as suas.

Sistema

São as tecnologias necessárias para o planejamento e controle do processo produtivo. Elas proporcionam maiores chances da metodologia realmente dar certo, pois são responsáveis pela assertividade do PCP.

Para saber mais sobre esses sistemas, confira o nosso texto no blog.

 

Como um dos pilares da produção enxuta, originada no Sistema Toyota de Produção, o Just in Time visa, também, ajudar a empresa a ter mais competitividade perante a concorrência. Ao mesmo tempo, ela aumenta o lucro através da redução dos custos.

Como funciona o sistema just in time?

O Just in Time funciona a partir da ideia de produção por demanda, ou seja, a produção só começa a ser realizada quando é feito pedido. Em outra palavras, primeiro a venda, depois a produção. Inclusive, essa é uma das principais características da produção puxada do Sistema Toyota de Produção. 

Além disso, indo mais a fundo no sistema de produção, cada fase produz somente o necessário para que seja possível ser realizada a próxima fase. Isso ocasiona na redução do estoque, ou, até mesmo, na eliminação dele.

Aliás, quando é necessário estoque de matéria-prima, armazena-se o mínimo possível para que a produção ocorra, com programação para pouco tempo dentro do estoque.

Leia também: Manutenção Produtiva Total: Conheça os seus 8 pilares

O Just in Time é um sistema que trabalha sem a utilização de estoque intermediário, isto é, durante a cadeia produtiva não há pequenos estoques entre as etapas. Sendo assim, esta medida resulta num fluxo de materiais contínuo.  

Abaixo, confira um comparativo das características do JIT em relação à metodologia tradicional por lotes:

Comparação Just in time x Por lotes

Just in time e os benefícios para sua empresa

Utilizar o Just in Time como metodologia da empresa para seus processos produtivos pode trazer grandes ganhos em toda cadeia produtiva. Isso ocorre, principalmente, devido a capacidade de otimizar os processos e buscar sempre reduzir ao máximo os estoques. 

Abaixo, listamos os  maiores benefícios do Just in Time:

  • Redução de custos: eliminar desperdícios de matéria prima, tempo e esforço dos colaboradores, diminui os custos da empresa Dessa forma, a competitividade do negócio aumenta;
  • Aumento da produtividade: por operar sob demanda, os processos se tornam muito mais rápidos e enxutos. Por isso se confere maior produtividade à companhia; 
  • Maior agilidade ao processo: com a eliminação do estoque intermediário, a agilidade do processo cresce, dando mais dinâmica à cadeia produtiva;
  • Aumento da qualidade: com a busca pela máxima eficiência os defeitos são diminuídos, neste sentido, a relação com o cliente melhora, o que por sua vez torna a empresa mais competitiva no mercado.

 

Porém, há algumas limitações do sistema quanto a sua aplicação. Como exemplo, é muito difícil aplicar a metodologia Just in Time em processos pouco previsíveis e com muitas oscilações, como o de produtos muito personalizados.

Confira dicas para aplicar o JIT

Devido ao baixo estoque intermediário do sistema Just in Time faz-se necessário um cuidado maior no planejamento do fluxo de produção através do uso de softwares para este fim. Estes programas otimizam as rotas de produção e podem também encomendar o estoque quando necessário.

Por isso, é importante implementar um monitoramento automatizado dos processos. Através dele é possível acompanhar o processo com maior eficiência e evitar a parada dos equipamentos. Isso pode se tornar problemático em uma empresa que usa a metodologia JIT devido ao baixo volume de estoques.

Sendo assim, treinar os colaboradores que irão estar na linha de frente da aplicação do sistema é de suma importância, pois mudar para um novo sistema requer disciplina e esforços conjuntos.

Portanto, garanta que sua equipe está preparada para essa mudança de modelo mental e de todos os hábitos da empresa. Além disso, mantenha uma comunicação transparente para que o sistema seja bem executado.

Exemplos Just in Time

O uso do sistema JIT ajudará a otimizar os recursos e trará algumas vantagens competitivas ao processo produtivo importantes no suporte dos processos da gestão na sua empresa. Dessa forma, veja a seguir, alguns exemplos de atividades aplicadas do Just in time:

  1. Estabelecimento de um sistema de puxar: somente o trabalho que precisa ser feito estará em progresso, evitando o uso de recursos de forma errada, eliminando desperdícios.
  2. Organização e visibilidade das atividades: a produção JIT exige que os colaboradores sejam multitarefas. Para que isso seja possível, um dos exemplos de aplicação de organização são os quadros time Kanban.
  3. Melhoria contínua: A produção Just-in-time encoraja a melhoria contínua e inspeção de atividades a cada etapa, para entender onde os processos podem ser otimizados. Um dos recursos mais utilizados no JIT para esse aspecto é o Kaizen.

 

Conheça um pouco mais sobre Produção Enxuta, termo dado às práticas que tornaram a Toyota, uma empresa japonesa falida, em uma potência mundial!

voltar ao topo

Saiba mais